Avançar para o conteúdo
FESTIVAL MIDRASH DE TEATRO no Teatro Municipal Café Pequeno

FESTIVAL MIDRASH DE TEATRO | SENTENÇA DE VIDA no Teatro Municipal Café Pequeno

FESTIVAL MIDRASH DE TEATRO | SENTENÇA DE VIDA no Teatro Municipal Café Pequeno

SENTENÇA DE VIDA + DEBATE
Inspirado no livro de Márcia Rachid
Direção Gilberto Gawronski

Com  Gilberto Gawronski , Clarisse Derzié Luz e Suzy Brasil

06/06 | terça | 20h
Classificação Indicativa 14 anos | Duração 60 min.

Resumo: A comédia Sentença de Vida é uma adaptação teatral do livro de mesmo nome e conta a história de uma médica que tem como missão de vida o cuidado humanizado no tratamento de quem vive com HIV. O espetáculo mistura recortes de textos teatrais educativos do livro AIDS e TEATRO. Ambientada no universo queer, com muitos números musicais e o humor característico de Suzy Brasil, a peça busca conscientizar o público sobre prevenção e testagem de forma divertida.

 Sinopse: A montagem inédita acompanha a jornada da médica infectologista Marcia Rachid, símbolo no tratamento da AIDS/HIV no Brasil, se baseando em seu livro homônimo, que descreve como foi viver, ao longo de mais de trinta anos, o impacto e os desdobramentos causados pela epidemia. A doutora é uma das fundadoras do Grupo Pela Vidda, um dos mais atuantes no país dedicado à valorização, integração e dignidade das pessoas que vivem com a doença.

O espetáculo explora o poder de ressignificação do teatro, contaminando o espectador de esperanças e de forças para transpor seus obstáculos. Isto se desenvolve a partir da vivência da Marcia e dos episódios narrados por ela, que são histórias carregadas de sonhos, e que vão muito além de apenas resgatar o medo e o preconceito associados à epidemia.

Na elaboração desenvolvida por Gawronski, a encenação, mergulhada na estética de cultura Queer, se entrelaça a um roteiro dividido em quadros, que remete ao do teatro de revista. E os contos selecionados da obra de Marcia servem como fio condutor e ligação para a apresentação de textos curtos de dramaturgia de prevenção criados por Aderbal Freire-Filho (“Aquela Mina”), Emmanuel Nogueira (“O Diário de Nabucodonosor”), Flávio Marinho (“O Nosso Amor a Gente Inventa”) e Tim Rescala (“Os Acrobatas do Sexo”). Eles integram a publicação “AIDS E TEATRO”, organizado por Daniel Sousa e Marta Porto com prefácio de Dráuzio Varela.

Comprar ingressos.

Data

06 Jun 2023
Expired!

Hora

20:00 - 21:30

Localização

Teatro Municipal Café Pequeno
Teatro Municipal Café Pequeno
Avenida Ataulfo de Paiva, 269, Leblon Rio de Janeiro, RJ
Eventos não encontrados!
Ver Mais

Deixe um comentário